Ícone de lupa

Busca no site

Digite a palavra que deseja buscar

Ícone de envelope

Cadastro online

Receba informações e notícias sobre o ILBJ

Ícone da biblioteca

Consulta biblioteca

Digite o nome do livro e a categoria para procurar em nossa biblioteca online.

Notícias

ILBJ completa 15 anos impactando vidas

23.01.18

O Instituto Luciano Barreto Júnior (ILBJ), responsabilidade social da Construtora Celi, completa hoje, 23 de janeiro de 2018, 15 anos de contribuições para o desenvolvimento humano de adolescentes e jovens sergipanos. Já foram mais de 12 mil jovens preparados para o mundo do trabalho e o exercício pleno da cidadania através da infoinclusão social. Nesta data também é comemorado o aniversário do empresário e entusiasta da educação, Luciano Barreto Júnior.
Português, Matemática, Informática e Cidadania & Trabalho fazem parte do projeto âncora do ILBJ, o Conectando com a Vida. Além dele, os jovens podem fazer participar das oficinas de Teatro, Comunicação e Mídia, Libras, Inglês, Desenho Artístico, Linguagem de Programação. Ao todo são 10 meses de muito conhecimento, aprendizado e experiências vividas. 
Para a gerente e coordenadora pedagógica do ILBJ, Valéria Pinto Freire, uma responsabilidade social fazer 15 anos de história é um momento único, um rito de passagem. “Não estive aqui quando o ILBJ foi fundado em 2003, não participei desse imenso ato de generosidade e solidariedade. Entretanto, estive aqui em momentos que acredito que tiveram grande importância para o avanço das ações iniciadas naquela época, foram momentos de reestruturação, momentos pelos quais grandes projetos humanitários necessitam passar. Desejo vida longa, abundante, para o ILBJ e seu projeto Conectando com a Vida, que a envergadura construída em 15 anos seja consolidada a cada ano, que o olhar que lança a juventude sergipana seja sempre um olhar de acolhimento, de fraternidade, solidariedade, de ética, respeito e amor.” observa Valéria. 
“Em 2005 construímos o projeto institucional pedagógico, este projeto fez o ILBJ passar de seu estado embrionário para seu estágio de criança, criança que curiosa e impulsiva, quer conhecer e ganhar o mundo, criou-se nesse momento um modelo de educar próprio, singular, que tomou corpo e foi-se consolidando aos poucos nas vivências conectadas, a cada 1200 adolescentes e jovens que buscavam no instituto uma contribuição que possibilitasse a melhoria na qualidade de suas vidas. Após seis anos o projeto sofreu nova reestruturação - além das atualizações anuais - e em 2011 as mudanças inseridas impactaram definitivamente nos processos de aprendizagens do ILBJ, trazendo novo fôlego a partir da criatividade e inovação que passaram a ser as palavras de ordem em nosso projeto”, aponta a gerente do ILBJ. 

Nossos adolescentes e jovens
Alessandro Santos Ferreira, 20 anos, participou do Conectando com a Vida em 2014, além de ter feito as oficinas de Libras I, II e III; Comunicação e Mídia; e Inglês. Hoje realiza seu sonho de estudar medicina e agradece ao ILBJ pelo estímulo. “Estudar no ilbj abriu vários caminhos para que eu pudesse realizar meus sonhos. Caminhos imaginários, psicológicos, culturais e emocionais que foram descobertos através das diversas formas de educação que o instituto utiliza. Educação que, além de preparar o jovem para o mundo do trabalho, o prepara para a vida.  O instituto foi essencial na minha trajetória até a faculdade de medicina. Um sopro de esperança que me ensinou a ser uma pessoa técnica e, principalmente, um ser humano melhor”, ressalta Alessandro.
Para José Wandmêi Lima Santos, de 24 anos, que estudou o Conectando com a Vida em 2010 e fez Informática Avançado em 2011, o ILBJ não poderia ter sido melhor para sua vida. “Foi através do ILBJ que hoje cresci. Meu primeiro emprego foi através de uma seleção que fiquei sabendo enquanto estudava o Conectando com a Vida e ter no currículo o curso foi um diferencial para que fosse escolhido para a vaga. Hoje tenho minha profissão, estoquista, justamente por ter participado desse projeto. Tenho orgulho de falar para todos que sou ex-aluno do Instituto Luciano Barreto Júnior”, comemora José Wandmêi.
Ivaneide Alves Santos Conectando, de 20 anos, participou do Conectando a Vida e da oficina de Canto em 2014, lembra como é bom fazer parte do ILBJ. “Foi maravilhoso fazer parte do Instituto Luciano Barreto Júnior. Realizei meu sonho de conseguir aprender através das experiências vividas a cada dia. Foi nele que criei amizades que levarei para o resto da vida. Agradeço à equipe do ILBJ pela dedicação que têm conosco. Espero que o instituto cresça mais e mais para poder atender mais jovens Sergipanos”, disse a jovem.

Reconhecimento dos pais
Marcelo dos Santos é pais de dois jovens que passaram pelo ILBJ e não esconde a felicidade. “Eu Amo essa instituição, para mim a melhor coisa que fiz foi ter inscrito meus dois filhos, e agradeço muito o aprendizado que eles tiveram. Meu primeiro filho saio direto pra um emprego, é a minha filha está melhorando os estudos e no comportamento também em casa, que Deus abençoe a todos que fazem parte dessa instituição, agradeço também a Sra. Valéria, que sempre me recebeu de braços abertos”, parabeniza.